Comparação Woocommerce vs Magento

Abrir uma loja virtual atualmente tem muitas vantagens. Com um e-commerce você pode oferecer seu produtos para pessoas de todo o país, ou em alguns casos, pessoas do mundo todo. Atualmente não é difícil abrir a sua própria loja virtual, existem sistemas de lojas virtuais prontos e plataformas que permitem a criação de sua loja virtual personalizada. As plataformas de e-commerce mais famosas no mercado atualmente são WooCommerce e Magento. Cada uma delas tem seus pontos positivos, além de ambas serem fáceis de utilizar e configurar, elas também tem um baixo custo.

Neste artigo vamos falar um pouco sobre cada uma dessas plataformas e fazer uma comparação para ajudar nossos leitores na hora de montar sua loja virtual e começar a lucrar na internet.

Apresentação

WooCommerce

O WooCommerce foi lançado em 2011, focado em pequenos e médios empreendedores que trabalham com WordPress. Ele é um plugin opensource para WordPress que tem a capacidade de transformar o seu site em WordPress em um e-commerce totalmente funcional, com tudo o que você precisa para ter um negócio online. O backend do WooCommerce é fácil e intuitivo para usuários do WordPress. Como cerca de 20% dos maiores 100,000 sites do mundo são feitos em WordPress, o WooCommerce acaba sendo a melhor escolha para os usuários da maior plataforma de publicação do mundo.

Magento

O Magento já tem um nome bastante respeitado no meio do e-commerce. Em maio de 2005 foi estimado que a plataforma estava sendo utilizada por 29.8% dos vendedores online. Atualmente ele é uma das maiores plataformas de e-commerce e tem uma grande fatia do mercado. Lançado em 2008, o Magento foi escrito com um conceito opensource utilizando partes da Zend framework e hoje conta com uma vasta comunidade de desenvolvedores, designers e empresários.

Características

WooCommerce

Preço: Grátis. Ele é um plugin gratuito para WordPress.

Principais funções

  • Possui diversos sistemas de pagamento. Escolha entre cinco formas de pagamento primárias: Transferência bancária, Boleto, PayPal, Pagseguro e muito mais.
  • Opção de envio por frete grátis ou tarifa única.
  • Relatórios de vendas, reviews, controle de estoque e performance da loja em geral.
  • Campanhas de marketing (opções de desconto, limite de uso, restrições de produtos e usuários, etc.).
  • Ele é um plugin do WordPress e pode ser administrado através do wp-admin do site.
  • Possui mais de 300 extensões gratuitas ou pagas para aumentar as funções da sua loja.

Vantagens

 Possui avaliações e reviews de usuários. Os clientes podem votar nos produtos adicionando notas aos seus comentários.

  • Tem relatórios bastante organizados. Eles são filtrados em categorias específicas como: vendas por data, por produto, por categoria, etc.
  • WooCommerce é um plugin grátis.Tudo o que você precisa fazer é baixá-lo e começar a adicionar os seus produtos através do painel do WordPress.
  • Compatível com dispositivos móveis. O WooCommerce foi designado para que a sua loja possa ser acessada tanto de computadores quanto de smartphones. Você pode até transformar a sua loja WooCommerce em um aplicativo mobile apenas com algumas ferramentas.
  • Segurança garantida.O WooCommerce é auditado pela Sucuri, um líder na indústria de segurança de plugins.
  • Faz parte de uma das comunidades opensource que mais cresce em todo o mundo.
  • Possui diversos temas grátis disponíveis na internet.

Desvantagens

  • O WordPress é grátis, porém não possui hospedagem gratuita. Você precisará pagar separadamente.
  • Apesar de ser simples, você mesmo deve fazer a configuração. Isso envolve baixar e instalar o plugin no seu site WordPress.

Para quem é indicado

Este plugin é um grande benefício para as pessoas que já trabalham com a plataforma WordPress. Se você já tem um site WordPress, sua própria hospedagem e tudo mais, será necessário apenas instalar o plugin.

Facilidade de uso

Este plugin é uma excelente alternativa quando instalado em um site WordPress. Tudo pode ser customizado diretamente pelo painel de controle, vasta ir testando e alterando as opções até que a loja fique de acordo com o seu gosto. Para usuários de WordPress isso não será um problema. O plugin é leve, tem diversas funções úteis e ainda é de fácil aprendizado.

Magento

Preço: Community Edition (grátis), Magento Enterprise ($18,000 por ano)

Principais funções

  • Estrutura responsiva (disponível para iPhone, iPad, Android e HTML5 mobile pré integrado).
  • Design customizável com templates.
  • Segmentação de clientes, promoções e propagandas direcionadas.
  • Lembrete de e-mail marketing automatizado.
  • Vendas privadas.
  • Listas de desejo.
  • Sistema de gestão de conteúdo integrado.
  • Enquetes e grupos de consumidores.
  • Atributos de produtos ilimitados.

Vantagens

  • Visual profissional, com informações e categorias bem organizadas.
  • Possui conteúdo e informações bem detalhados. As categorias oferecem inúmeras opções.

Desvantagens

  • Não possui um layout muito amigável, leva muito tempo para customizar as opções e o design é um pouco defasado.Pode ser uma pouco complicado e confuso para alguns usuários.
  • O plano premium é bem caro

 Para quem é indicado

O Magento possui configurações e opções bastante complexas tanto para quem está começando quanto para quem já tem um negócio. Se você precisa dele para uma empresa grande, ele certamente irá auxiliar do desenvolvimento da loja com tudo o que for necessário.

Facilidade de uso

 Pode levar um bom tempo para o usuário se acostumar com o visual do Magento. Acessar a área de administração pode ser bem complicado de início e talvez leve mais tempo ainda para quem não está acostumado com esse tipo de trabalho. Para usuários mais avançados, ele é uma alternativa que oferece tudo que é necessário para ter uma grande loja online.

Qual dos dois utilizar?

Ambas as plataformas são muito boas e podem garantir uma loja eficiente e segura. Para usuários avançados que pretendem trabalhar com o sistema de uma grande loja, o Magento certamente será a melhor opção, mas para quem está iniciando ou tem uma loja de médio porte, Woocommerce irá atender melhor os seus requisitos.

Um outro ponto muito interessante a ser levado em consideração é a facilidade de uso. O tempo para aprendizado do Woocommerce é muito menor, e a plataforma pode ser totalmente customizada com o uso das extensões. O Magento é mais recomendado para usuários mais avançados ou agências que trabalham com a administração de diversos sites de e-commerce.

Em resumo, se você mesmo será responsável por atualizar a sua loja virtual siga com Woocommerce. Agora se você tem condição de pagar uma equipe especializada apenas para gerenciar sua loja siga com Magento.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta