As redes sociais também podem trazer riscos para as empresas

Plataformas sociais como Twitter e Facebook são cada vez mais usados e estão ganhando muito espaço nas campanhas de marketing das empresas que estão muito interessadas em melhorar sua comunicação com o cliente.

Essas redes sociais estão sendo muito utilizadas para diversos fins como por exemplo, melhorar o serviço de suporte, criar relações mais próximas com o cliente. Os motivos para as empresas utilizarem as redes sociais são vários.

Mas caso não seja bem planejada esse trabalho da empresa nas redes sociais; as empresas podem ter muita dor de cabeça. Um exemplo de pontos que podem ser prejudiciais são informações confidenciais vazadas, as vezes até por engano por algum funcionário. Outro problema é o ataque a reputação da marca na rede ou até mesmo invasões e roubo de perfis.

Um exemplo de vazamento confidencial pode começar com uma amiga twitando para outra amiga o seguinte: “Estou trabalhando até tarde por causa de uma nova campanha da empresa que será lançada daqui a dois dias”. Ela acabou de publicar uma informação confidencial.

Certa vez ouvi uma pessoa reclamar no telefone com o atendente de uma empresa que vende computadores sobre uma nota fiscal que ela não recebeu. Após muita discursão nada foi resolvido e a cliente dessa empresa desligou o telefone irritadíssima. A amiga que estava ao lado apenas ouvindo, comentou: “Vamos meter eles nas redes sociais”. A amiga conhece perfeitamente o poder dessas redes.

Para empresas que autorizam internamente o uso de redes sociais a melhor solução para que não aconteça nada que prejudique-a é criar regras claras para os funcionários do que pode e o que não pode e deixar bem claro que as redes sociais também tem seu lado perigoso e muito prejudicial.

Já que neste post estamos olhando apenas os perigos das redes socias podemos citar também problemas relacionados a segurança como roubo de identidade, invasão de perfis, infeções, etc.

O melhor a fazer é ter mais cuidado com o que é divulgado nas redes sociais e quanto a invasões e infeções, todos os sites estão sujeitos a isso. Até sites do governo americano foram invadidos, por que as mídias sociais não podem?

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta